Beyblade Burst Turbo Primeiras impressões com os Beys Cho-Z!

Galera, gostaria de compartilhar com vocês minhas primeiras impressões dos novos Beys.


Cho-Z são Beys incríveis, não posso negar isso. Porém, sua construção me preocupa um pouco, por mais que os plásticos sejam os mesmos que compõem o Sieg Xcalibur, que é aquele que fica esbranquiçado, mas dificilmente quebra, percebe-se uma diferença muito grande.

Isso dá aquele receio de usar, assim como quando lançaram os Dual Layers e Victory Valkyries quebravam a esmo. Por mais que eu tenha visto apenas uns dois Z Achilles quebrados por aí ainda sinto aquele frio na barriga ao lançar.

Com poucas batalhas já notei várias marcas de tensão no plástico, várias manchas esbranquiçadas e isso é bem tenso, porque acabei de tirar os Beys da embalagem.

Uma das coisas que mais me incomodou foi no Z Achilles. Ao redor dos rebites que seguram o metal no plástico, há muita tensão. Não sei se dá para ver na imagem abaixo, mas há um plástico mais claro ao redor.

Isso é devido ao forte recuo que o metal possui ao se chocar contra seu oponente e o rebite vai literalmente “cavando” no plástico. Por melhor que seja a qualidade do produto e por mais resistente e reforçado que seja, ainda é metal contra plástico, essa era minha preocupação desde o início. Estamos testemunhando HMS tudo outra vez.

O que leva a outro raciocínio, os Beys são extremamente agressivos, muito rápidos na arena, então regular a força de lançamento é uma boa ideia, já que lançar muito forte pode te custar um auto stadium out.

Por enquanto acho que é isso. Pelo menos não quebrou nada em um primeiro momento, mas a preocupação é constante. Vamos ver como isso pode melhorar no decorrer da série.


8 visualizações0 comentário